Perfil dos empreendedores brasileiros

Gestão Cosmética

Perfil dos empreendedores brasileiros

Para iniciar essa coluna, cujo objetivo principal é incentivar o empreendedorismo entre os profissionais da cosmética, entendi que seria melhor tratar do perfil do empreendedor brasileiro e começar com uma pergunta: você se acha empreendedor?

A Endeavor realizou em 2014 uma pesquisa com cerca de 4000 brasileiros e traçou 6 perfis marcantes dos empreendedores verde-e-amarelo. A pesquisa foi realizada em 14 cidades diferentes e foi realizada no primeiro semestre do ano passado.

O empreendedor tanto pode ser aquela pessoa que transforma uma ideia em um negócio de sucesso quanto aquela que não tem um negócio próprio, mas que pensa e age de forma inovadora (intraempreendedor). De acordo com a pesquisa, há três dimensões para o empreendedorismo: (1) comportamentos, (2) modelo de gestão e (3) motivação.

Cinco aspectos comuns e indispensáveis que separam os empreendedores dos não-empreendedores são otimismo, autoconfiança, coragem para aceitar riscos, desejo de protagonismo e resiliência. Os empreendedores apresentam todas essas características, como se fossem uma engrenagem complexa que mantem o perfil empreendedor sempre ativo.

O modelo de gestão não é característica do empreendedor, mas o seu modus operandi diz muito sobre os resultados alcançados. Os brasileiros são paternalistas, líderes, democráticos, visionários ou tratores. A terceira dimensão é motivacional, que está na essência do empreendedor e é o que lhe ajuda a entender o porquê de empreender.

Os perfis

A pesquisa detalhou 6 perfis de empreendedores. É importante destacar que um empreendedor apresenta diferentes perfis, mas na maioria das vezes possui um que é predominante.

Nato. Possuem alma de empreendedor. São otimistas e autoconfiantes, assumem riscos e buscam ser os melhores. Sua motivação principal é a realização de seus sonhos. São aqueles que vêem a vida com encantamento e interesse, e são empreendedores sempre, mesmo que não tenham o próprio negócio.

Meu Jeito. Acham que as coisas do seu jeito são melhores. Na maioria dos casos são profissionais liberais, autônomos ou consultores. Querem fazer as coisas do seu jeito e ser reconhecidos por isso. São fieis às suas crenças, valores e ambições.

Situacionista. Foram levados ao empreendedorismo. Sua motivação principal é a própria situação que surge com a oportunidade. É o perfil que inclui as pessoas que não têm o perfil empreendedor e necessitam desenvolver as 5 características ou desistem. Tendem a manter a empresa durante mais tempo.

Herdeiro. Foram incentivados a serem empreendedores. Geralmente cresceram em ambientes empreendedores por convívio e se apaixonam pelo que fazem ou se traumatizam pelo histórico, ou são de fato herdeiros de uma empresa da família. Sua principal motivação são as experiências positivas e negativas adquiridas de outros empreendedores. São mais preparados.

Idealista. Eles querem mudar o mundo e fazer a diferença. Eles querem garantir que seus ideais e valores não sejam negligenciados e contribuir para uma transformação social ou ajudar a melhorar a vida das pessoas. A motivação principal é fazer a sua parte e contribuir. Eles não abrem mão de seus valores. Geralmente são pessoas solteiras ou que não trabalham.

Busca do Milhão. Seu maior foco é o dinheiro. Querem fortuna e visam o lucro. Sua principal motivação é o lucro que o negócio pode oferecer. São ambiciosos e gananciosos. Querem que o resultado de seu trabalho seja em dinheiro para si. A maioria são jovens dos 25 aos 34 anos.

Você se identificou com algum desses perfis? Quer saber qual é o seu perfil dominante? Para fazer o teste e conhecer o seu perfil empreendedor, clique aqui. Para ler a pesquisa completa clique aqui.