Hypermarcas anuncia venda de marcas de cosméticos para Coty

Nesta segunda-feira, 02 de novembro de 2015, a Hypermarcas anunciou a venda dos direitos de fabricação e comercialização de cosméticos para a Coty por 3,8 bilhões de Reais. O objetivo é se concentrar nas atividades da área farmacêutica, que oferecem maior potencial de crescimento e rentabilidade no longo prazo e setor em que o grupo detém quase 14% de participação do mercado.

O negócio de cosméticos adquirido pela Coty inclui marcas como Bozzano, Biocolor, Cenoura & Bronze, Monange, Paixão, Risqué e outras. A transação ainda necessita ser aprovada pelos órgãos de defesa da concorrência para ser concluído.

Marcas que a Hypermarcas vendeu para Coty, Risqué, Biocolor, Bozzano
Hypermarcas vende marcas de higiene pessoal e cosméticos para Coty.
Foto: Divulgação.

Os negócios de produtos descartáveis (Pom Pom, Cremer Disney, Sapeka e Bigfral), preservativos (Jontex, Olla e Lovetex), dermocosméticos (Episol, Epidrat e Hydraporin) e adoçantes (Zero-Cal, Finn e Adocyl) não fizeram parte da transação.

Dona de marcas licenciadas de perfumes como Adidas, Calvin Klein e Marc Jacobs, esta não foi a primeira aquisição da Coty em 2015. Em julho deste ano, a empresa francesa adquiriu 43 marcas de produtos profissionais para salões e de tinturas, cosméticos e fragrâncias para varejo da P&G. A venda incluiu marcas mundialmente conhecidas como Wella, Koleston, Clairol, Wellaton, e perfumes como Hugo Boss, Dolce & Gabbana, Gucci, Lacoste, bruno banani, Christina Aguilera, Escada, Gabriela Sabatini, James Bond 007, Mexx, Stella McCartney, Alexander McQueen, Max Factor e Covergirl. Na ocasião, a operação foi fechada por 12,5 bilhões de dólares.

Em 7 de dezembro de 2015, o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) aprovou a venda de negócios da Hypermarcas para a Coty, concluindo que a transação “não levanta preocupações sob o enfoque concorrencial”.

Fontes:
Reuters
Exame
Exame
Exame

Atualizado em 18 de janeiro de 2016.